Páginas

Pesquisar este blog

terça-feira, 12 de maio de 2015

as firulas, elas não servem pra nada

A firula, simples palavrinha que pode denotar tantas coisas:


Por Ricardo em 2012-11-23
Ato de florear, enfeitar, enrolar, rodear, confundir, dar voltas, ações ou palavras desnecessárias e dispensáveis, o que é dispensável, dar detalhes superficiais, detalhar demasiadamente, burocracia demasiada e desnecessária, perda de tempo, o que tornar extenso e maçante, conjunto de ações excessivas e desnecessárias que gerem desperdício e falta de eficiência, movimento de argumentações com a finalidade de enganar, confundir, complicar ou ludibriar, desviar a atenção do objeto principal por meio do uso de artifícios escusos, persuadir desviando a atenção do que é mais importante, o que não tem importância nem valor real.
"Este contrato possui muitas 'firulas' desnecessárias"."Deixe de 'firulas' e explique logo o que aconteceu"."Faça este serviço, mas não perca tempo com 'firulas', pois temos pressa em concluir o projeto".
O que esta palavra nos serve para hoje?
Bem, chega de firulas.

Quando vou resgatar o intenso histórico quilométrico de relacionamentos instituídos nesse belo corpinho peludo de pandinha sexy que sou, deparo-me com a firula. Aquele velho hábito de se "enfeitar" o quase rolinho. A arte de xavecar passa batido após alguns anos de estrada. A paciência para se melodramatizar para se obter algum tipo de benefício romântico acaba após algumas quebradas de cara.

Vamos ser honestinhxs?

Chega uma hora que não tem como querer ter a "firula" do romantismo no meio dos esquemas emocionais. Às vezes tudo o que preciso é de mais ação, menos ilusão. Acordos bem delineados. Situações bem acentuadas. "Se quéis, qués, se não quéis dix!" como no dialeto ilhéu daqui no sul-tupiniquim. 

Pra quê tanto floreio?
Pra quê tanto excessos?
Pra quê tantas entrelinhas?
"Bora uma social na cama?"
"Na sua ou na minha?"

Simples, simples assim. A gente que complica.

Alguns diriam que é muito "pra frentex", muito moderninho, afronta a família tradicional brasileira (aff!). Discurso besta, atrasado, lotado de demagogia, patriarcalismo e de controle social, eu replico. Mais firulas adicionadas as firulas anteriores.

Muitas firulas nessa vida.
Complicam demais a comunicação (Que já é complicada por tanta informação temporária no HD mental). Too much firula about nothing.

Gente, a gente deixa a firula de lado.
E o crochê e os lacinhos e rendinhas.
Façam.
Quando tiver vontade, façam.

Sem firulas. Sério. 

Compartilhe nas Redes Sociais